3 atitudes garantem seu equilíbrio emocional

.

Nós ainda somos movidos pelo desejo de satisfazer carências afetivas básicas, como receber um elogio, mimo ou atenção. Claro que não necessariamente nesta mesma ordem, e pode ser tudo ao mesmo tempo agora. O fato é que investimos energia demais na tentativa de satisfazer essas necessidades e acabamos por inverter a ordem de importância das relações pessoais. E essa inversão acaba por ser geradora de decepções, mágoas, rivalidades, entre outras situações. Neste ponto, destaco 3 atitudes que garantem seu equilíbrio emocional nessa montanha russa chamada vida.

.

A primeira atitude é aceitar a natureza de pessoas, coisas e situações como são. Aquilo que é da natureza da pessoa funciona como um piloto automático. Um cachorro, por exemplo, vai latir toda vez que ver uma pessoa estranha se aproximar da sua residência. A vizinhança pode até reclamar, mas é da natureza dele agir assim e isso não mudará.

.

equilibrio_emocional1_bemmelhorassim

.

Conta a lenda que o escorpião precisava atravessar de uma margem para a outra de um rio, mas não sabia nadar e por isso estava se afogando. Um sábio resolveu então ajudá-lo. Na primeira e segunda tentativas, ele foi picado pelo animal que se debatia para não morrer. Percebendo que não teria jeito de ajudar o escorpião a se salvar, ele procurou uma folha e acolheu o bicho nela, levando-o em segurança ao seu destino e se mantendo em segurança também. Seus discípulos observando a cena questionaram-no o motivo de ainda querer ajudar o animal peçonhento que o picou por duas vezes. A resposta foi muito objetiva. O sábio afirmou que ele ajudou o escorpião, porque é da natureza dele ser bom e querer ajudar, assim como é da natureza do escorpião, picar. E que mesmo sendo da natureza do escorpião, picar, ele também é digno de receber ajuda.

.

Quando aceitamos a natureza de pessoas, coisas e situações, derrubamos uma barreira importantíssima ao nosso equilíbrio emocional. É que revoltar-se contra a realidade é uma atitude improdutiva, pois gastamos energia em vão, uma vez que o fato de não a aceitarmos não mudará o status delas.

.

A segunda atitude é reconhecer o próprio valor. Temos tanto desejo de sermos aprovados pelos outros, que acabamos por ignorar a nossa própria beleza e valor. Quem ignora suas próprias virtudes acaba por ser exigente demais com os outros, pois os coloca na posição de indivíduos perfeitos e indivíduos perfeitos não têm o direito de errar. Afinal de contas, a perfeição nos outorga o privilégio de acertar sempre. E a situação vira uma relação desastrosa. Eu, imperfeita, aposto todas as minhas fichas no outro, que é perfeito e exijo que ele sempre acerte comigo. E na realidade, o outro é tão imperfeito quanto eu e tem sim o direito de errar, assim como eu também. O que é inadmissível é cometer sempre o mesmo erro. A função dele é nos mostrar maneiras de não fazer as coisas e se o repetimos sempre, atrasamos o nosso processo evolutivo.

.

equilibrio_emocional2_bemmelhorassim

.

Quando reconheço o meu próprio valor, passo a perceber que o outro também tem o seu. Assim, é possível unir valores e conviver com as deficiências, apoiados na certeza de que onde um erra, o outro acerta e sim, a troca de gentilezas e agrados acaba sendo gestos naturais.

.

A terceira atitude, e não menos importante que as outras, é ser flexível. Quando os pais estão treinando seus filhos para conviverem em sociedade, acabam por cometer um erro enorme e sem a intenção de errar, exigem que a criança aja de maneira certa ou errada. Não existe a possibilidade de encontrar uma alternativa. Ou o pequeno é bonzinho ou malzinho e ponto. E o ser humano cresce com essa ideia fixa de que se não é totalmente bom, é totalmente mau e ninguém quer ser mau. Todos nós queremos ser bons, afinal de contas, só os bons vão para o céu.

.

O segredinho neste ponto é reconhecer que o ser humano é dual por natureza. Isto que dizer que ele possui características boas e más, ao mesmo tempo. E por conta disso, é preciso ser flexível, pois nada neste mundo é apenas bom, ou apenas mau. Quer comprovar? É simples. O mesmo veneno que a cascavel injeta na sua vítima quando a pica é o que produz o antídoto para a mordida. Tudo depende do ponto de vista. E vou além. Um ato que cometo hoje pode ser muito apropriado para a pessoa que sou hoje, dentro das possibilidades que disponho agora. Entretanto, a vida é um eterno progredir e à medida que evoluo, percebo que aquele ato não me serve mais. O melhor a ser feito então é parar de praticá-lo. Mas há pessoas que mesmo depois de uma longa evolução continuam agindo sempre da mesma forma, só porque sempre fez assim.

.

equilibrio_emocional3_bemmelhorassim

.

São essas três atitudes que podem assegurar nosso equilíbrio emocional sempre. Existem, claro, muitas outras que vou abordar aqui em postagens futuras. Mesmo que agindo assim, não resolva de uma vez todos os grilos que você possa ter em mente, elas já vão ajudar a aliviar as tensões e inseguranças que nos acompanham no dia a dia. Se você gostou deste texto, comente aqui no blog. Sua participação é importante para o crescimento dele. É a partir dela que poderei direcionar as futuras postagens, no sentido de colaborar com a qualidade de vida das pessoas.

.

Muita paz e alegria a todos!

.

Por  Zilda de Assis – Jornalista, escritora, gestora de pessoas e pesquisadora comportamental.

www.porquegenteeassim.com.br

.

.

 

One thought on “3 atitudes garantem seu equilíbrio emocional

Deixe seu comentário...